quarta-feira, 2 de setembro de 2009

The Best Food

O The Best Food ostenta o título de "Melhor Milk-Shake da Região". Tem um The Best Food na 24 de Outubro, um no Strip Center, e um em Cachoeirinha. Tomem suas próprias conclusões sobre a "região" mencionada. O Milk Shake é bom (R$ 5,00 por 300ml, R$ 6,00 por 500). Tomamos de morango (dividimos meio litro), e fica claro que é feito com sorvete de creme e morangos de verdade. Não tenho muito o que comentar sobre o Milk-Shake, exceto que ainda prefiro o do McDonald's.



Diz-se muito sobre este restaurante. Dizem que são os antigos chapistas da lendária Rib's (lanchonete que já fechou e, dizem, tinha a melhor mostarda do mundo (a mostarda ainda sobrevive)). Eu não sei de nada sobre isso, exceto o fato de que tem mostarda do Rib's lá, e os pratos são bem parecidos.



A lanchonete é bem arrumadinha, com dois ambientes (em nenhum se pode fumar, grande desvantagem). O único problema do layout é que a chapa fica longe do balcão e é ruim de vê-la (crucial em xis portoalegrense é ver a chapa). Bem à frente tem uma estantezinha com as cobiçadas mostardas do Rib's. A alemoa entrou sem vê-la e comeu tudo sem mostarda. Eu não gosto de mostarda, como sabem meus leitores.



O menu é relativamente variado. É dividido em pratos e cheeseburguers. Os pratos são estilo à la minuta, com bifes a pé, frango, salada, batata frita e tudo o mais, e a sempre presente fatia de pão com molho rosé (clássica do Rib's). Estão todos entre 10 e 15 pilas, mais ou menos.



Os chesseburguers todos têm algum tipo de molho estranho, e nenhum tem maionese. Ou eles têm molho rosé, ou molho curry. Confesso que nunca fui um fã do molho rosé, então minha opção é óbvia, embora eu tenha um certo receio quanto ao curry no xis. Esta é uma questão bem delicada. O elaborador do menu optou por desviar completamente do padrão portoalegrense, uma opção arriscada, que deu ao seu cardápio um exotismo não necessariamente bem-vindo.



O meu xis foi nomeado "Dos Deuses" (pelo chef, não por mim). Ele tinha um hamburguer, queijo, bacon, molho curry, alface, e tomate. A alemoa pediu o "The Best": Bife de frango, queijo, bacon, molho rosé, alface, e tomate.



Quando se olha nas propagandas, mais uma vez se receia que o xis seja de estilo completamente americano; redondinho, pequeno e com gergelim em cima. Felizmente, por essas bandas, é comum ser só de propaganda, e os xis normalmente são estilo gaudério mesmo. O The Best Food consegue atingir ainda mais proximidade com o portoalegrense do que, por exemplo, o Joe's, outra lanchonete de estilo americano.



O xis é bem altinho, cerca de 4cm, e até não é pequeno, é maior que o do Joe's. O grande problema é o molho. O curry é um pouco forte demais e, com certeza, no meu xis foi colocado em excesso. Gastei uns seis guardanapos pra limpar aquela meleca amarela da boca, e o gosto toma conta de todo o xis. No começo é um charme legal, mas o xis é de segurar na mão (e não comer com talheres) então, ao longo da refeição, suponho, o molho vai escorrendo para o fundo, restando nas últimas mordidas um xis empapado em um líquido/creme de sabor nada sutil. Esta pra mim é a grande falha do xis, o que pode ser resolvido com um pouco mais de parcimônia na aplicação dos molhos.



O alface e o tomate estão apropriadamente dispostos sobre o molho que encharca a base de pão do xis. O alface se resume a uma folha inteira, e o tomate colocado em rodelas (que na minha opinião poderiam ser um pouco mais finas, mas se fosse por mim eu pedia sem tomate mesmo). Sobre os vegetais descansa pacificamente o hamburguer, cujo gosto não pude sentir por razões mencionadas acima. Posso elogiar seu tamanho, apropriado ao pão, e sua textura, de carne moída de verdade.



Sobre o hamburguer vai outra rodela de pão, como num xis de dois andares. Mas essa rodela de pão, oprimida pela gordura que a cerca e as quantidades descabidas de molho curry, some no meio do xis. Sobre ela vão o bacon e o queijo, mais curry e o pão de cima (no meu caso, neste segundo andar havia também um ovo frito (sem gosto)).

O bacon é em tiras apropriadas e, como de costume por aí, não tostadas o bastante. É um dos poucos ingredientes cujo sabor sobrevive à opressão do molho curry. Seu sabor é bem defumado, mais puxando pro americano (estereotipado pelo McDonald's) do que para o ítalo-gaudério (cujo ápice aqui neste blog foi a lancheria do parque). O queijo, não vi.

É um lugar muito arrumadinho e para onde se pode levar a namorada, a tia, a vó ou a mãe, mas se formos com nossos amigos tarados e barbudos (citando Roberto Piva) eles com certeza nos tirariam pra bichinha.

Pontos fracos: Não pode fumar, excesso de molho curry, molho muito forte, bacon meio mal-passado, um pouco de salada demais, não tem milho nem ervilha, o ovo deve ser pedido especialmente (os caras deviam pô-lo como standard). Pontos altos: um xis bem diferente, um ótimo milk-shake, um lugar bem ajeitadinho onde se pode levar as gurias, tem pratos no cardápio.

Nota final: 8,7

6 comentários:

Anônimo disse...

Do Ribs o bom mesmo era o milk shake... nunca existiu nada igual.

Gremista Vigilante disse...

Que blog do caralho!

Caco Velloso disse...

Ta mt massa teu blog floco! pena que to morando em Buenos aires agora, se nao ia seguir tuas dicas! Grande abrass

Anônimo disse...

Espero a avaliação do Coqueiro!

André Pereira Brochado disse...

E então...agora moro em Capão da Canoa, já pensou em fazer uma avaliação do xis do Yellows...há braços...

Mariana disse...

Adoro os Milk Shakes e Mc Donald's faz um muito bom, mas há que provar em distintos lugares.
Perto do meu aluguel Buenos Aires há um lugar fantástico!